logo_branca_ufpr

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ


UNIVERSIDADE
FEDERAL DO PARANÁ

Workshop da Semana Pedagógica de Comunicação discute as redes sociais na sala de aula

16042635463_b50d3b98b8_z
O encontro reuniu professores do Sacod e do Departamento de Educação Física. Fotos: Marcos Solivan

Na manhã desta sexta-feira, dia 27, o auditório do Campus Juvevê da UFPR recebeu a professora Maysa de Oliveira Brum Bueno, da Universidade Católica Dom Bosco de Campo Grande (MS), para um workshop sobre a presença das redes sociais na educação. Parte do Programa de Formação Continuada de Professores, da Pró-Reitoria de Graduação e Educação Profissional (Prograd), o evento integra também a Semana Pedagógica do Curso de Comunicação Social. Estiveram presentes o reitor da UFPR, Zaki Akel Sobrinho, o diretor do Setor de Artes, Comunicação e Design (Sacode), Dalton Rasera, o chefe de departamento de Comunicação, Mário Messagi Jr., e a coordenadora de Políticas de Formação de Professores, Glaucia da Silva Brito.

Buscando demonstrar como as redes sociais podem ser usadas como instrumento de ensino e aprendizagem, o tema foi abordado de formas teórica e prática. “Nós estamos na era digital, da inovação. Há uma nova ordem, não é mais a sociedade da informação. Agora há mais participação e colaboração”, explica Maysa, acrescentando que as mudanças na educação são lentas e que é preciso haver esse movimento de integrar as redes com a sala de aula. Além dos portais convencionais, como Facebook, Twitter e Pinterest, já foram desenvolvidas plataformas especificamente com o objetivo de levar os alunos para o ambiente digital, como o Moodle e o Edmodo – canais que, segundo a pesquisadora, podem ser a saída para atrair até mesmo os mais conservadores para esses meios.

A ministrante da oficina, professora Maysa de Oliveira Brum Bueno

“Esta era tecnológica que estamos vivendo é diferente daquela na qual nós, os professores, crescemos. Os estudantes são nativos digitais”, afirma, referindo-se à familiaridade dos jovens com as plataformas digitais. “As redes sociais têm uma linguagem e um espaço que são mais naturais para os alunos”.

Contemporaneidade

A professora Glaucia ressalta que esta é uma temática atual, que não pode ser esquecida. “Não podemos mais ignorar a influência da tecnologia e das redes no processo de aprendizagem. Não dá para continuar só deixando pastas de textos no xerox”. A opinião é compartilhada pelo reitor, que considera o investimento na formação de professores algo essencial para o desenvolvimento de uma instituição. “A Universidade só cresce porque faz a lição e casa, porque estamos sempre pensando no nosso processo educativo nas salas de aula, na pesquisa e na extensão”, garante. “Nossos 102 anos de tradição não podem se chocar com os avanços tecnológicos”.

A atividade formativa contou com a presença de professores do Sacode e do Departamento de Educação Física.

Sugestões

Capitães da areia é a obra do mês de agosto do Clube do Livro
A segunda temporada do Clube do Livro, promovida pelo Sistema de Bibliotecas (SiBi) da Universidade...
Projeto de extensão Ciência para Todos está com inscrições abertas para alunos da UFPR
O projeto de extensão “Ciência para Todos” está com inscrições abertas para o processo seletivo e trainee....
Projeto da UFPR oferece treinamento gratuito de futebol para meninas
Com o objetivo de trabalhar o desenvolvimento integral de meninas entre 10 e 14 anos através da prática...
Inscrições para cursos extensivos do Celin para novos alunos iniciam em 7 de agosto
As inscrições para os cursos extensivos ofertados pelo Centro de Línguas e Interculturalidade (Celin)...