logo_branca_ufpr

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ


UNIVERSIDADE
FEDERAL DO PARANÁ

UFPR criará grupo de trabalho para aprimorar acolhimento de estrangeiros

Norma: “Queremos saber de que forma podemos chegar a uma proposta que seja boa para fazer com que os estrangeiros se sintam acolhidos”. Imagem: Samira Chami Neves.

A UFPR vai criar um grupo de trabalho para aprimorar o acolhimento dos alunos estrangeiros. Ontem e hoje, a equipe do Núcleo Tandem Celin-UFPR reuniu-se com técnicos da Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis (PRAE), com professores que trabalham com estrangeiros e com alunos originários de outros países para definir as ações que serão tomadas com este objetivo.

O grupo volta a se reunir na sexta-feira da próxima semana (dia 12), quando vai elaborar um documento – a ser enviado a todas as Pró-Reitorias – pedindo sugestões e apoio à iniciativa. “Nós queremos abrir o diálogo e saber quais questões os servidores consideram importantes em relação aos estrangeiros. Queremos saber de que forma podemos chegar a uma proposta que seja boa para fazer com que eles se sintam acolhidos”, explica a coordenadora do Núcleo Tandem Celin-UFPR, Norma Müller.

Sensibilização

A partir deste diálogo, o grupo de trabalho pretende elaborar um plano de ações para  melhorar o acolhimento dos estrangeiros. Para mostrar a importância do tema, Norma propôs exercícios concretos de sensibilização com os participantes da reunião, como por exemplo o preenchimento de questionários e formulários contendo perguntas em idiomas bem diferentes da Língua Portuguesa.

“O objetivo da sensibilização foi mostrar às pessoas que questões práticas, a partir das nossas referências, não são óbvias para os estrangeiros. Nós não podemos esperar que os estrangeiros tenham as mesmas referências que nós. Daí a importância de dialogarmos e de as Pró-Reitorias agirem juntas para fazerem com que o acolhimento dos estrangeiros seja o melhor possível.

As propostas em debate para melhorar o atendimento aos estrangeiros são muitas. Incluem desde a oferta de questionários e formulários em vários idiomas até a adoção de atendimento especial dos servidores aos estrangeiros e o aprimoramento das ferramentas de comunicação da UFPR – como o portal de internet. “Vamos devagar. Para começar a pensar sobre isso tudo, precisamos primeiro propor o diálogo’, diz Norma.

Programas

A UFPR desenvolve importantes programas de atendimento aos alunos estrangeiros dos cursos de graduação e de pós-graduação. Um deles é o Projeto Milton Santos de Acesso ao Ensino Superior (Promisaes), que objetiva fomentar a cooperação técnico-científica e cultural nas áreas de educação e cultura entre o Brasil e países com os quais o Brasil mantém acordos.

Para isso, os alunos recebem a Bolsa Promisaes. Trata-se de um auxílio mensal no valor de R$ 622,00 para garantir a permanência dos alunos na UFPR, uma vez que muitos deles vêm de países pobres e possuem precárias condições socioeconômicas. Por mês, a Bolsa Promisaes atende a 24 estudantes da Guiné Bissau, Gana, Congo, Benin, Cuba, Camarões, Jamaica, Togo, Honduras, Angola, Cabo Verde e Haiti.

Além disso, a UFPR atende aos estudantes refugiados com visto humanitário. Mensalmente, 17 estudantes estrangeiros são beneficiados pelo Programa de Benefícios Econômicos para Manutenção do Estudante com Fragilidade Econômica (PROBEM). Eles são originários da Guiné Bissau, Síria, Congo, Haiti e Peru.

 

 

 

 

 

Sugestões

Post de Evento
Vai ser publicado um Edital sobre ……
Pré-Vestibular Comunitário da UFPR está com vagas remanescentes abertas
O projeto de extensão “Pré-Vestibular Comunitário”, do setor Palotina da Universidade Federal do Paraná...
Provar 2024: UFPR tem 804 vagas abertas em cursos de graduação, inscrições até 11/08
Esta é a última semana para inscrição de interessados em uma das 804 vagas em cursos de graduação oferecidas...
Mestrado acadêmico em Enfermagem recebe inscrições
O Programa de Pós-graduação em Enfermagem da Universidade Federal do Paraná oferece 24 vagas para o curso...