ufpr_bcopng

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ


UNIVERSIDADE
FEDERAL DO PARANÁ

Sobreviventes de Hiroshima realizam palestra na UFPR nesta sexta-feira; evento será transmitido pela UFPR TV

Três sobreviventes do primeiro ataque nuclear da história participam de uma palestra na Universidade Federal do Paraná, relatando as experiências de vida e consequências do bombardeio, nesta sexta-feira (14). A entrada é gratuita e a atividade terá início às 16h30, no Auditório Professor Ulysses de Campos, do Setor de Ciências Sociais Aplicadas, Campus Jardim Botânico. Haverá transmissão ao vivo pela UFPR TV.

O militar Takashi Morita e os civis Kunihiko Bonkohara e Junko Watanabe estavam em Hiroshima no dia do bombardeio. Na época, Morita tinha 21 anos; Kunihiko, cinco; e Junko, dois.

Pela segunda vez em Curitiba, o trio também participará do espetáculo “Os Três Sobreviventes de Hiroshima”, com apresentação única no sábado (15), às 20h, no Auditório Mario de Mari, na sede da Fiep.

Com roteiro e direção de Rogério Nagai, o espetáculo deu origem ao projeto Sobreviventes Pela Paz. A ideia surgiu em 2012 com pesquisas sobre a comunidade nipo-brasileira e a imigração japonesa no Brasil. Foram doze meses de pesquisa com palestras, estudos, debates, lançamento de livro, exibição de documentários, leituras dramatizadas e apresentações teatrais.

Colocar os sobreviventes em cena é uma maneira que o projeto encontrou de mostrar a importância de propagar e manter a paz, para que acontecimentos como esse nunca mais se repitam.

Hiroshima

Em 6 de agosto de 1945, no estágio final da Segunda Guerra Mundial, os Estados Unidos lançaram uma bomba na cidade de Hiroshima. Três dias depois, atingiram também Nagasaki. Foram milhares de mortos e feridos, além de sobreviventes que buscaram retomar suas vidas depois da tragédia.

Os números oficiais informam entre 130 e 240 mil mortos como resultado dos únicos ataques nucleares contra civis em toda a história.

No Brasil, há 83 sobreviventes das bombas, todos associados à Associação Hibakusha Brasil Pela Paz, anteriormente chamada de Associação das Vítimas da Bomba Atômica no Brasil. Após ajuda médica e reconhecimento dado a essas pessoas, a associação passou a se dedicar também à propagação de mensagens de paz e pelo fim de armas e usinas nucleares.

Palestra com sobreviventes de Hiroshima

Data: 14 de setembro, sexta-feira
Horário: 16h30
Local: Auditório Professor Ulysses de Campos, do Setor de Ciências Sociais Aplicadas, Campus Jardim Botânico
Entrada gratuita – Transmissão ao vivo pela UFPR TV

(Com informações de FC COMUNICAÇÃO)

Sugestões

Capitães da areia é a obra do mês de agosto do Clube do Livro
A segunda temporada do Clube do Livro, promovida pelo Sistema de Bibliotecas (SiBi) da Universidade...
Projeto de extensão Ciência para Todos está com inscrições abertas para alunos da UFPR
O projeto de extensão “Ciência para Todos” está com inscrições abertas para o processo seletivo e trainee....
Projeto da UFPR oferece treinamento gratuito de futebol para meninas
Com o objetivo de trabalhar o desenvolvimento integral de meninas entre 10 e 14 anos através da prática...
Inscrições para cursos extensivos do Celin para novos alunos iniciam em 7 de agosto
As inscrições para os cursos extensivos ofertados pelo Centro de Línguas e Interculturalidade (Celin)...