logo_branca_ufpr

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ


UNIVERSIDADE
FEDERAL DO PARANÁ

Projeto Integrar UFPR permanece em 2015 e firma aproximação entre alunos brasileiros e estrangeiros

Todos os anos, a Universidade Federal do Paraná (UFPR) recebe dezenas de alunos estrangeiros, vindos de quase todos os continentes do mundo. São novas culturas, costumes e vivências que chegam e logo precisam se adaptar a um cotidiano bastante diferente. Mesmo com práticas vigentes de recepção e apoio à estada desses estudantes, a UFPR ainda acreditava que o caminho para a educação sem fronteiras precisava incluir ações mais efetivas de integração e socialização dos estrangeiros às comunidades brasileiras.

O estudante brasileiro João Paulo Magri - padrinho na ação INCLUIR - e a sua afilhada peruana, Julissa Melissa (pós-graduação em Entomologia) - FOTO: Facebook Integrar oficial
O estudante brasileiro João Paulo Magri – padrinho na ação INCLUIR – e a sua afilhada peruana, Julissa Melissa (pós-graduação em Entomologia) – FOTO: Facebook Integrar oficial

Foi com essa visão que surgiu o projeto Integrar UFPR. Uma iniciativa pioneira da Universidade que chama alunos, professores e técnicos para uma maior aproximação com as culturas internacionais, oferecendo oportunidades em quatro linhas de ação: Apoiar, Incluir, Acolher e Alojar. O Projeto entrou em funcionamento em outubro de 2014 e já construiu as primeiras relações entre os estudantes.

Em uma das frentes, cinco alunos brasileiros ocuparam as vagas disponibilizadas para monitoria e promoção de encontros entre as diversas nacionalidades. Assim, em todos os campi de Curitiba, um monitor se encarregava de dar início a uma integração maior e melhor entre os estudantes da UFPR, sem importar de onde viessem. No dia 28 de novembro, uma confraternização marcou o encerramento do ano e dos primeiros passos do Integrar, que segue em 2015, convidando alunos, professores e técnicos a se juntar à ideia. O edital para se candidatar à vaga de monitoria disponível para 2015 já está aberto.

Frentes

Pelo APOIAR, alunos podem se voluntariar como madrinhas e padrinhos de estudantes estrangeiros. A ideia é que o entrosamento se dê por encontros em que a cultura local e informações sobre a cidade de Curitiba possam ser transmitidas de modo informal e acolhedor. Para participar, o voluntário deve preencher Formulário de Candidatura, que requisita alguns dados no intuito de buscar maior afinidade na escolha de padrinhos e afilhados.

Já a ação INCLUIR faz a seleção de monitores – universitários entre o segundo e o penúltimo semestre de graduação – para organização de eventos sociais e culturais com a participação e o envolvimento de alunos estrangeiros. Para isso, são ofertadas vagas – uma para cada campus da UFPR na capital – com direito a bolsa e responsabilidade pelo fomento de atividades de interação.

O ACOLHER é uma iniciativa que proporciona a servidores técnico-administrativos e docentes da Universidade a oportunidade de receber um aluno estrangeiro em sua casa por um período curto de tempo, como finais de semana, feriados ou férias, seja por um dia ou até um mês. Nesta ação, o objetivo é, por meio de um cruzamento de perfis dos participantes, promover o convívio entre culturas diferentes, estender vínculo de amizade e mesmo demonstrar a hospitalidade brasileira. Para se cadastrar, é necessário o preenchimento de formulário, cujas informações serão de uso restrito da coordenação do Projeto, que intermediará o contato entre as acomodações disponíveis e os alunos estrangeiros interessados.

Para quem estiver disposto a hospedar alunos estrangeiros por prazo maior, de até um ano, o ALOJAR reúne membros da comunidade acadêmica que desejem disponibilizar a locação de cômodos ou moradias inteiras. Por esta iniciativa, a UFPR entra como facilitadora do processo, reunindo a oferta de alojamentos e a demanda de estudantes. A segurança dos participantes fica por conta da assinatura de termo de compromisso, onde se estabelecem direitos e deveres e as condições de dissolução do acordo.

Acesse aqui mais informações e todos os formulários.

Confira quem são os monitores e quais cursos atendem
Confira quem são os monitores e quais cursos atendem

Ideia

A condução do Integrar UFPR é de responsabilidade da Assessoria Especial da Reitoria, que conta com apoio de equipe multidisciplinar de professores e alunos para avaliação e controle dos dados envolvidos, entrevistas e orientação aos participantes. “Para colocarmos o conceito do Projeto em prática, buscamos referência no que acontece, há muito tempo, em países europeus, onde a mobilidade estudantil é norma dentro das universidades. Temos a certeza de que, no cotidiano acadêmico, a qualidade de vida deve ser tão prioritária quanto a busca pela excelência acadêmica”, explica o vice-reitor da UFPR, Rogério Mulinari.

Para ele, a concepção do Integrar UFPR abre novas oportunidades a toda a comunidade acadêmica, de vivência e convivência com diferentes pessoas, idiomas e costumes, estimulando, o interesse e o respeito pela cultura exterior. “Hoje esta interação até ocorre dentro e fora da universidade. No entanto, é algo de forma individualizada e ocasional. O que queremos é oferecer esta possibilidade para todos, de forma articulada e sistematizada, oportunizando o suporte necessário para o desenvolvimento de cidadãos cada vez mais sem fronteiras”, afirma o vice-reitor.

Confira o Integrar nas redes sociais!

Por Jaqueline Carrara

Sugestões

Capitães da areia é a obra do mês de agosto do Clube do Livro
A segunda temporada do Clube do Livro, promovida pelo Sistema de Bibliotecas (SiBi) da Universidade...
Projeto de extensão Ciência para Todos está com inscrições abertas para alunos da UFPR
O projeto de extensão “Ciência para Todos” está com inscrições abertas para o processo seletivo e trainee....
Projeto da UFPR oferece treinamento gratuito de futebol para meninas
Com o objetivo de trabalhar o desenvolvimento integral de meninas entre 10 e 14 anos através da prática...
Inscrições para cursos extensivos do Celin para novos alunos iniciam em 7 de agosto
As inscrições para os cursos extensivos ofertados pelo Centro de Línguas e Interculturalidade (Celin)...