logo_branca_ufpr

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ


UNIVERSIDADE
FEDERAL DO PARANÁ

Projeto da UFPR que incentiva uso da bicicleta faz projeção da economia de combustível

cartilhas para os ciclistas. Foto de Marcos Solivan

Um trabalhador de Curitiba que mora a cinco quilômetros do trabalho e passe a fazer esse percurso de bicicleta quatro vezes por semana pode economizar R$ 48,72 por mês e R$ 584,64 por ano, levando em conta o preço da gasolina em R$ 2,85. Estes dados foram obtidos no Simulador de Benefícios da Bicicleta, elaborado pelo Programa Ciclovida, criado na UFPR para estimular as pessoas a usarem este tipo de transporte. Quanto à emissão de gases na atmosfera, a redução seria de 48 quilos por mês e de 584 quilos por ano.

Com a ajuda de profissionais de estatística, foi feita também uma projeção da economia se 10% dos servidores da UFPR passassem a fazer um percurso semelhante. Por ano eles deixariam de gastar três milhões de reais. E se 10% dos moradores de Curitiba adotassem a bicicleta quatro vezes por semana, a economia seria de 61 milhões por ano, com uma redução de gases poluentes de 490 milhões de quilos. Esta projeção levou em conta uma frota de 1 milhão, 260 mil carros na capital.

A planilha do simulador de benefícios da bicicleta está disponível na página do Ciclovida.

CARTILHA -O Programa Ciclovida acaba de lançar uma cartilha voltada para os ciclistas. Há diversos tipos de dicas, como os equipamentos de segurança recomendáveis para os usuários (como o capacete) e na bicicleta, a legislação de trânsito que diz respeito à este tipo de transporte, o mapa das ciclovias de Curitiba e informações sobre os melhores horários para pedalar, as roupas e calçados adequados e como pedalar com segurança.

cartilhas para os ciclistas. Foto de Marcos Solivan

Uma das orientações é pedalar sempre no mesmo sentido dos carros, de preferência na faixa da direita perto do meio fio. O ciclista também deve sinalizar com a mão esquerda todas as manobras que deseja fazer para que os motoristas possam reduzir a velocidade. Segundo José Carlos Belotto, coordenador do Ciclovida e autor da cartilha, a finalidade principal é orientar os iniciantes nesta prática. Belotto, é responsável também pela instalação de paraciclos na UFPR. Em 2012 foram instaladas mais 600 vagas para as bicicletas nos campi.

Os interessados em ter uma cartilha devem ir ao Núcleo de Psicologia do Trânsito, no 1º andar do Prédio Histórico na Praça Santos Andrade.

Sugestões

Capitães da areia é a obra do mês de agosto do Clube do Livro
A segunda temporada do Clube do Livro, promovida pelo Sistema de Bibliotecas (SiBi) da Universidade...
Projeto de extensão Ciência para Todos está com inscrições abertas para alunos da UFPR
O projeto de extensão “Ciência para Todos” está com inscrições abertas para o processo seletivo e trainee....
Projeto da UFPR oferece treinamento gratuito de futebol para meninas
Com o objetivo de trabalhar o desenvolvimento integral de meninas entre 10 e 14 anos através da prática...
Inscrições para cursos extensivos do Celin para novos alunos iniciam em 7 de agosto
As inscrições para os cursos extensivos ofertados pelo Centro de Línguas e Interculturalidade (Celin)...