logo_branca_ufpr

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ


UNIVERSIDADE
FEDERAL DO PARANÁ

Pesquisadores de vários países debatem nanotecnologia na UFPR

Pesquisadores internacionais participam do Workshop Nanotechnology Application in Water and Alternatice Energies. Foto: Leonardo Bettinelli
Pesquisadores internacionais participam do Workshop Nanotechnology Application in Water and Alternatice Energies. Foto: Leonardo Bettinelli

Nos dias 28 e 29 de maio, a UFPR recebeu o Workshop Nanotechnology Applications in Water and Alternative Energies (Aplicações de nanotecnologia em água e energias alternativas). O evento aconteceu no Prédio Histórico da Universidade.

Cientistas do Brasil, de outros países da América Latina e da Europa participaram do workshop, apresentando as contribuições de suas pesquisas em nanotecnologia para a potabilização de água e remediação de águas contaminadas e para o desenvolvimento de fontes energéticas alternativas – ambas temáticas consideradas chave para atender as necessidades de uma sociedade mais sustentável.

A abertura do evento teve a presença do pró-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação da UFPR, Edilson Silveira, da coordenadora de Pesquisa e Desenvolvimento da Ciência e Tecnologia da UFPR, Graciela Inez Bolzon de Muniz, e da vice-coordenadora da pós-graduação em Políticas Públicas da UFPR, Noela Invernizzi.

foto 02
As aplicações da nanotecnologia em soluções para água e energias alternativas foram o tema do Workshop. Foto: Leonardo Bettinelli

“Essa é uma ótima oportunidade para os pesquisadores fazerem contato. Esse é um dos principais objetivos do evento”, disse Noela Invernizzi ao dar as boas vindas aos participantes.

“A Universidade tem o papel de levar a discussão sobre nanotecnologia para a sociedade”, afirmou Edilson Silveira.

O workshop foi organizado pela Rede Latinoamericana Nanotecnologia e Sociedade (ReLANS) e pela UFPR, e faz parte de um projeto de pesquisa financiado pelo programa FP7, da Comissão Europeia, denominado NMP-DeLA – “Deployment of societally beneficial nano and/or material technologies in ICP countries” (Implementação de nanotecnologia e/ou tecnologias de materiais vantajosas para a sociedade em países parceiros).

Na manhã do primeiro dia, o tema foi o potencial da nanotecnologia para lidar com desafios sociais. Houve apresentações dos objetivos do projeto NMP-DeLA; da ReLANS; do Centro para Inovação Social, da Áustria; e da Coordenação-Geral de Micro e Nanotecnologias do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação.

Durante a tarde, o tema foi a nanotecnologia aplicada à energia, tanto na Europa quanto na América Latina.

No segundo dia do evento, com apresentações e mesas-redondas, os participantes debateram a nanotecnologia aplicada a soluções de tratamento e potabilidade da água na Europa e na América Latina.

A programação também contou com apresentações sobre oportunidades de cooperação internacional em pesquisa e oportunidades de financiamento em nanotecnologia do Programa Horizonte 2020 da Comissão Europeia.

Sugestões

Progepe lança atividade de saúde e longevidade para aposentados
Aposentadoria nunca foi sinônimo de inatividade. Pensando na qualidade de vida dos servidores aposentados,...
Ciência UFPR: Molécula-ímã tem potencial para revelar a bioquímica por trás de doenças
Desenvolvido na UFPR por parceria internacional, magneto molecular Dy(pn)Cl pode ajudar a investigar...
“A SBPC é a marca de que o Brasil acredita e produz ciência da mais alta qualidade”, diz ministra do MCTI
Entre 23 e 29 de julho, aconteceu na Universidade Federal do Paraná (UFPR) a 75ª Reunião Anual da Sociedade...
Série sobre a ciência produzida nas Universidades brasileiras estreia na TV Brasil
A série “Cientistas do Brasil” é uma produção que mostra a ciência produzida por pesquisadores das Instituições...