logo_branca_ufpr

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ


UNIVERSIDADE
FEDERAL DO PARANÁ

UFPR e Universidade de Hiroshima compartilham estudos sobre área pouco conhecida no Brasil

FOTO: www.lamir.ufpr.br
FOTO: www.lamir.ufpr.br

Uma parceria entre o Laboratório de Análise de Minerais e Rochas da UFPR (Lamir) e a Universidade de Hiroshima (Japão) tem desenvolvido estudos e se tornado referência em uma área ainda pouco conhecida no Brasil: a geomicrobiologia.

O projeto, intitulado Geobiocal, é financiado pela Frade Japão Petróleo Ltda., que tem a obrigação, amparada por lei, de investir em programas de apoio à investigação científica e desenvolvimento tecnológico aplicado ao petróleo, gás natural e indústria de biocombustíveis no Brasil.

A iniciativa já executou as etapas de campo, com estudos no Paraná, em Mato Grosso do Sul e também no Japão. Tendo em vista a quantidade de informações obtidas e a fim de compartilhar os conhecimentos adquiridos por essas vivências, o projeto tem oferecido cursos em que pesquisadores e convidados ainda introduzem e debatem novos conceitos sobre a área embrionária no Brasil.

Equipe do projeto em pesquisa de campo em Bonito (MS). FOTO: Projeto Geobiocal
Equipe do projeto durante pesquisa de campo em Bonito (MS) para coleta de amostras de materiais geológicos. FOTO: Projeto Geobiocal

O mais recente deles foi realizado nesta semana – de 29 de fevereiro a 04 de março – em Curitiba. Os instrutores do curso “Geoquímica de Sedimentos Carbonáticos” foram a professora de Sedimentologia e Geoquímica do Instituto Federal de Tecnologia da Suíça/ETZ Zurique, Judith Mckenzie; a professora na mesma área, mas vinculada à UFPR, Anelize Bahniuk; o professor Crisogono Vasconcelos, de Geomicrobiologia e Geoquímica também do Instituto Federal de Tecnologia da Suiça/ETZ Zurique; e o professor de Paleontologia e Geoquímica da Universidade de Hiroshima, Fumito Shiraishi.

Equipe do Lamir e
Equipe do Lamir envolve geólogos, químicos, físicos e laboratoristas. FOTO: Acervo ACS

Pesquisa e ensino
O Lamir é um laboratório que prioriza o apoio e o fomento à pesquisa. Para isso, são realizadas inúmeras análises por solicitação de professores, pesquisadores e alunos de pós-graduação e graduação, de diferentes instituições de ensino e pesquisa, do Paraná e do Brasil. Todas as análises são gratuitas ou com custos subsidiados pelo Lamir.

O Laboratório possui ainda um Programa de Apoio ao Desenvolvimento Acadêmico (PADA), que possibilita aos alunos a utilização e o conhecimento das técnicas analíticas utilizadas na caracterização de minerais e rochas. As análises são realizadas pelos próprios alunos interessados, e acompanhadas pelos professores orientadores. O aluno necessariamente tem que participar da preparação das amostras e acompanhar a rotina analítica do laboratório.

Para auxiliar na orientação dos estudantes, o Lamir também mantém uma equipe com geólogos, químicos, físicos e laboratoristas.

LEIA TAMBÉM

LAMIR ganha equipamentos e nova ala em homenagem ao professor José Manoel dos Reis Neto

 

Sugestões

Progepe lança atividade de saúde e longevidade para aposentados
Aposentadoria nunca foi sinônimo de inatividade. Pensando na qualidade de vida dos servidores aposentados,...
Ciência UFPR: Molécula-ímã tem potencial para revelar a bioquímica por trás de doenças
Desenvolvido na UFPR por parceria internacional, magneto molecular Dy(pn)Cl pode ajudar a investigar...
“A SBPC é a marca de que o Brasil acredita e produz ciência da mais alta qualidade”, diz ministra do MCTI
Entre 23 e 29 de julho, aconteceu na Universidade Federal do Paraná (UFPR) a 75ª Reunião Anual da Sociedade...
Série sobre a ciência produzida nas Universidades brasileiras estreia na TV Brasil
A série “Cientistas do Brasil” é uma produção que mostra a ciência produzida por pesquisadores das Instituições...