Oficina na UFPR mostra a necessidade das horas de sono de cada um

05 abril, 2012
09:35
Por Gustavo Santos
0
Extensão e Cultura

As diferenças nos relógios biológicos de cada pessoa podem provocar sonolência e interferir no rendimento escolar e no trabalho. São informações desta ordem que o professor Fernando Mazzilli Louzada, do Departamento de Fisiologia da Universidade Federal do Paraná e autor do livro “Sono na sala de aula”,vai passar aos participantes da oficina “Tempo
na Vida”, que será realizada no próximo dia 05 de maio no Setor de Ciências Biológicas, no Centro Politécnico.

A oficina é destinada a professores dos níveis fundamental e médio. O principal objetivo do projeto é a difusão de conceitos da Cronobiologia, a ciência que estuda os chamados relógios biológicos. Assim o professor terá conhecimentos para entender porque muitas vezes os alunos do turno da manhã têm dificuldades para prestar atenção nas aulas. De acordo com o coordenador da oficina, os adolescentes
têm necessidade de dormir mais do que oito horas diárias. Enquanto isso, há pessoas que dormem bem menos e não apresentam queda de rendimento nem no trabalho e nem nos estudos.

Os professores também terão acesso a um amplo material de apoio para que possam fazem um trabalho pedagógico nas escolas.

A oficina será realizada das 9 às 13 horas, no Departamento de Fisiologia do Setor
de Ciências Biológicas, no Centro Politécnico. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo e-mail fisiologia@ufpr.br .

texto de Amanda Pofahl

Sugestões

14 agosto, 2023

Desenvolvido na UFPR por parceria internacional, magneto molecular Dy(pn)Cl pode ajudar a investigar o ambiente químico em torno […]

10 agosto, 2023

No último dia 03, aconteceu a posse da nova Direção do Setor Palotina, Gestão 2023 – 2027, com […]

09 agosto, 2023

O projeto de extensão “Pré-Vestibular Comunitário”, do setor Palotina da Universidade Federal do Paraná (UFPR), está com inscrições […]

07 agosto, 2023

A série “Cientistas do Brasil” é uma produção que mostra a ciência produzida por pesquisadores das Instituições Federais […]