Mesa-redonda discute o papel do estágio na formação de professores

28 setembro, 2017
17:40
Por
0
Ensino e Educação

O estágio é a oportunidade do estudante ter um contato com a realidade da sua profissão, no caso dos cursos de licenciatura esta prática é fundamental mas esbarra em uma diversidade de problemas que podem prejudicar este processo de formação. A mesa-redonda “Conceituação de estágio como componente curricular dos cursos de licenciatura” debateu o tema na tarde desta quinta-feira (28) trazendo para a UFPR duas experiências que tem apresentado êxito na Universidade Federal de Juíz de Fora (UFJF) e Universidade Federal de São Paulo (Unifesp).

A professora Maria de Assunção Calderano (UFJF) contou um pouco da experiência que teve ao implementar políticas e realizar uma pesquisa em torno do tema. Encontrou muitos problemas ao se inteirar das práticas de estágio que aconteciam nas licenciaturas da UFJF, como a má compreensão sobre o papel do professor na escola que recebe o estudante: “O professor da escola atua como um formador, muitas vezes sem ser reconhecido como tal”. Para a professora as duas figuras-chave na orientação do estudante são as duas pontas da docência, o professor do ensino básico e o professor universitário, ambos devem juntar esforços na melhor orientação do estudante.

A Coordenação de Políticas para a Formação de Professores (Copefor) e o Centro de Articulação das Licenciaturas do Setor de Educação (Ceali), ambas da UFPR, organizaram o evento tendo em vista que uma nova legislação amplia a importância e a carga-horária das atividades práticas no currículo dos cursos que formam professores, das quais os estágios é uma das mais importantes.

Catarina Moro, coordenadora da Copefor e mediadora da mesa, explica que o objetivo é ampliar a discussão em torno do conceito que o estágio têm para a formação dos professores “este evento é uma oportunidade de discutir quais os sentidos os nossos convidados dão para o estágio de licenciatura em suas instituições, com vistas para a gente conceber como ele pode ser para as licenciaturas na UFPR a partir destas mudanças na legislação”. O evento é mediado também pela professora Ivanilda Higa, do Setor de Educação da UFPR.

Segundo o Pró-reitor de Graduação, Eduardo Barra, que acompanhou o evento, “o estágio é um momento crucial da formação universitária, “O estudante precisa ser muito bem acompanhado é um processo longo de amadurecimento, ele tem que lidar com aspectos muito diversificados na sala de aula, aspectos cognitivos, aspectos emocionais, aspectos sociais”.

Sugestões

14 agosto, 2023

Desenvolvido na UFPR por parceria internacional, magneto molecular Dy(pn)Cl pode ajudar a investigar o ambiente químico em torno […]

10 agosto, 2023

No último dia 03, aconteceu a posse da nova Direção do Setor Palotina, Gestão 2023 – 2027, com […]

09 agosto, 2023

O projeto de extensão “Pré-Vestibular Comunitário”, do setor Palotina da Universidade Federal do Paraná (UFPR), está com inscrições […]

07 agosto, 2023

A série “Cientistas do Brasil” é uma produção que mostra a ciência produzida por pesquisadores das Instituições Federais […]