Grupo Tordesillas discute a criação de mais quatro Colégios Doutorais

12 novembro, 2013
11:02
Por prograd
0
UFPR
Professor Válter J. G. Lúcio da Universidade Nova de Lisboa - Foto: Marcos Solivan

Professor Válter J. G. Lúcio da Universidade Nova de Lisboa - Foto: Marcos Solivan

“O encontro de reitores do Grupo Tordesillas está obtendo bons resultados. Temos em vista a criação de quatro novos Colégios Doutorais que abraçarão as áreas de Nanotecnologia; Ciência do Mar; Novas Tecnologias de Gestão Ambiental e Estudos e Experimentação em Saúde”, considerou o reitor Zaki Akel Sobrinho. Esta terça-feira (12) marca o segundo dia do encontro com a realização da mesa-redonda sobre os “Impactos Ambientais das Novas Tecnologias”.

Na ocasião, expuseram o tema os professores José Maria Marbán da Universidade de Valladolid, Espanha e secretário executivo do Grupo Tordesillas; Maria da Graça Martinho do Departamento de Ciências e Engenharia do Ambiente da Faculdade de Ciência e Tecnologia de Portugal; Válter J. G. Lúcio da Universidade Nova de Lisboa e Miguel Mansur Aisse da UFPR.

Propostas ─ Em sua palestra, a professora Maria da Graça destacou as propostas da Faculdade de Ciência e Tecnologia relativas à avaliação ambiental e de sustentabilidade; aspectos da cooperação luso-brasileira na área de Ciências e Engenharia do Ambiente; a formação da rede de estudos ambientais nos países de língua portuguesa e outros tópicos. Na sequência, o professor Válter Lúcio da Universidade de Lisboa, falou sobre as propostas para o Colégio Doutoral na área de impactos ambientais e as novas tecnologias no segmento da Engenharia Civil. Destacou a estrutura do curso naquela instituição de Ensino Superior, os programas de pós-graduação ─ mestrado e doutorado, os laboratórios, centros de investigação e áreas de pesquisa ─ Estruturas, Construção, Geotecnia e Hidráulica).

Por sua vez, o professor Miguel Aisse da UFPR também ressaltou o Programa de Pós-Graduação em Recursos Hídricos e Ambientais do Departamento de Hidráulica e Saneamento. “Programa ousado que iniciou com o curso de mestrado e, recentemente, alcançou o doutaramento, trabalhando nos compartimentos de água e solo”, explicou. Na tarde desta terça-feira, mais dois painéis integram a programação do evento: as mesas-redondas sobre “Estudos Culturais e Transmidiáticos, Ciências Políticas e Relações Internacionais” e o “Gerenciamento de Sistemas Costeiros (Ciências do Mar, Ecossistemas Marinhos e Hidrografia). Mais informações podem ser obtidas no site www.grupotordesillas.net.

Acesse aqui a cobertura fotográfica do evento.

Sugestões

14 agosto, 2023

Desenvolvido na UFPR por parceria internacional, magneto molecular Dy(pn)Cl pode ajudar a investigar o ambiente químico em torno […]

10 agosto, 2023

No último dia 03, aconteceu a posse da nova Direção do Setor Palotina, Gestão 2023 – 2027, com […]

09 agosto, 2023

O projeto de extensão “Pré-Vestibular Comunitário”, do setor Palotina da Universidade Federal do Paraná (UFPR), está com inscrições […]

07 agosto, 2023

A série “Cientistas do Brasil” é uma produção que mostra a ciência produzida por pesquisadores das Instituições Federais […]