logo_branca_ufpr

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ


UNIVERSIDADE
FEDERAL DO PARANÁ

Professores do ensino fundamental e médio cursam especialização em saúde na UFPR

Nesta sexta-feira (18) aconteceu a abertura do curso Especialização em Saúde para professores do Ensino Fundamental e Médio, promovido por meio de uma parceria entre o Departamento de Enfermagem da UFPR, a Coordenação de Integração de Políticas de Educação a Distância da Universidade Federal do Paraná (CIPEAD) e a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES).

Essa é a quinta turma do curso, que está em seu décimo ano de funcionamento, e é destinado a professores de mais de dez cidades do estado do Paraná. O objetivo da formação é transformar o conhecimento científico já produzido em saúde em saber disponível aos professores da Educação Fundamental e Média, para que eles desenvolvam um conjunto de competências básicas relativas à saúde – necessárias para o exercício da docência – e as utilizem em suas práticas educativas como recurso para a formação de cidadãos saudáveis.

A coordenadora da iniciativa, Mitzy Reichembach, conta que saúde e educação são temas correlatos e que dentro da realidade das salas de aula, existem situações que os professores precisam saber enfrentar. “Durante o curso os professores farão o levantamento de uma questão de saúde que esteja acontecendo em sua sala de aula e, ao final, irão propor um projeto de intervenção a ser colocado em prática para resolvê-la”.

A realidade escolar apresenta diversas situações de saúde às quais os profissionais de educação devem estar atentos como sexualidade, aborto, gravidez na adolescência, uso de drogas, bullying, violência e até questões de higiene. “Tivemos um caso de uma escola indígena em que os professores queriam se aprofundar a respeito de doenças transmissíveis. Então o professor foi a uma aldeia levar informações de saúde atualizadas para uma realidade completamente diferente, isso tem um impacto muito grande”, diz Mitzy.

Além de a UFPR ser idealizadora e instituição que possibilitou a atividade por meio do convênio com o Ministério da Educação, os professores do Departamento de Enfermagem da instituição foram os organizadores das partes de conteúdo, estrutura e metodologia do curso.

Foto: Marcos Solivan

A especialização tem o apoio da UFPR, da CAPES, da Universidade Aberta do Brasil e de Secretarias de Educação municipais. Com 150 alunos inscritos, o curso compreende quatro módulos diluídos em dois anos de duração que abordam temáticas voltadas à prática da territorialização na comunidade em que as escolas estão inseridas, educação em saúde para alunos e comunidade, ética e métodos didáticos em educação para a saúde.

Sugestões

Post de Evento
Vai ser publicado um Edital sobre ……
Pré-Vestibular Comunitário da UFPR está com vagas remanescentes abertas
O projeto de extensão “Pré-Vestibular Comunitário”, do setor Palotina da Universidade Federal do Paraná...
Provar 2024: UFPR tem 804 vagas abertas em cursos de graduação, inscrições até 11/08
Esta é a última semana para inscrição de interessados em uma das 804 vagas em cursos de graduação oferecidas...
Mestrado acadêmico em Enfermagem recebe inscrições
O Programa de Pós-graduação em Enfermagem da Universidade Federal do Paraná oferece 24 vagas para o curso...