logo_branca_ufpr

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ


UNIVERSIDADE
FEDERAL DO PARANÁ

Equipe da UFPR que competiu na Race to Zero fará apresentação em Curitiba

Imagem: Divulgação

Quem se interessa por eficiência energética, energia renovável, casas Net Zero Energy e outros aspectos de inovação nas edificações está convidado para assistir à apresentação da equipe da Universidade Federal do Paraná (UFPR) que participou da “Race to Zero”, competição realizada no mês passado em Golden (EUA) e que teve o objetivo de inspirar estudantes a se tornarem profissionais preocupados com a sustentabilidade na construção a partir de um projeto de design de casas autossuficientes em energia.

Com entrada gratuita e sem necessidade de inscrição prévia, o evento ocorre nesta sexta-feira (5), às 18:30, no auditório do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Paraná (Av. Nossa Senhora da Luz, 2530 – Alto da XV). A promoção é do Instituto de Arquitetos do Brasil – Departamento do Paraná.

Formada por dez alunos de graduação, mestrado e doutorado das áreas de Arquitetura e Urbanismo, Engenharia Civil, Engenharia Elétrica e Engenharia de Recursos Hídricos, a equipe liderada pelo professor do Departamento de Arquitetura e Urbanismo da UFPR, Aloísio Schmid, foi a única brasileira entre as 40 selecionadas para a prova e competiu na categoria Casas Geminadas, com o projeto Sobrado Solar. Também participaram grupos dos Estados Unidos, Canadá e Índia.

No dia 22 de abril, a maquete e um banner sobre o projeto ficaram expostos numa mostra ao lado dos demais concorrentes. No dia seguinte, o grupo teve 25 minutos para apresentação e para responder perguntas dos avaliadores.

Projeto Sobrado Solar

O projeto Sobrado Solar consiste num conjunto de três casas geminadas que produzem a energia que consomem. A sustentabilidade está em todos os detalhes – até a localização foi planejada para que os moradores gerem o menor impacto possível sobre o meio ambiente. O terreno selecionado para instalação das casas fica na esquina das Ruas XV de Novembro e José de Alencar, em Curitiba. “É um local próximo ao centro, com diversos pontos de ônibus, ciclovias, hospitais, restaurantes. Assim, é possível fazer muitas coisas a pé, com transporte público ou alternativo”, explica Karoline Richter, doutoranda em Engenharia de Recursos Hídricos e Ambiental.

O projeto prevê o uso de wood frame na estrutura e painéis fotovoltaicos na totalidade da cobertura. “São técnicas construtivas pouco difundidas por aqui. Ainda há muito preconceito contra casas de madeira e os painéis fotovoltaicos geralmente são usados apenas em pedaços da cobertura e não integralmente”, esclarece o professor Aloísio Schmid. De acordo com ele, falta incentivo para que essas técnicas sejam disseminadas na construção civil no Brasil.

O projeto segue os conceitos da arquitetura bioclimática – o que inclui desde a escolha da posição das casas nos terrenos até a presença de aberturas que privilegiam o uso da luz natural.

Apresentação da Equipe da UFPR que participou da Race to Zero (EUA)

Data: 5 de maio de 2017
Horário: 18:30
Local: auditório do CAU/PR
Endereço: Av. Nossa Senhora da Luz, 2530 – Alto da XV
Entrada livre

Informações do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Paraná

Sugestões

Post de Evento
Vai ser publicado um Edital sobre ……
Pré-Vestibular Comunitário da UFPR está com vagas remanescentes abertas
O projeto de extensão “Pré-Vestibular Comunitário”, do setor Palotina da Universidade Federal do Paraná...
Provar 2024: UFPR tem 804 vagas abertas em cursos de graduação, inscrições até 11/08
Esta é a última semana para inscrição de interessados em uma das 804 vagas em cursos de graduação oferecidas...
Mestrado acadêmico em Enfermagem recebe inscrições
O Programa de Pós-graduação em Enfermagem da Universidade Federal do Paraná oferece 24 vagas para o curso...