logo_branca_ufpr

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ


UNIVERSIDADE
FEDERAL DO PARANÁ

Cerimônia de acolhimento dá boas-vindas a alunos estrangeiros

A Universidade Federal do Paraná promoveu, nesta terça-feira (25), a solenidade de recepção e acolhimento dos estudantes estrangeiros que irão, pelos próximos seis ou 12 meses, realizar intercâmbio na instituição.

Os alunos de outros países vêm ao Brasil para a mobilidade acadêmica, viabilizada pela Agência UFPR Internacional, com o objetivo de cursar disciplinas de graduação ou pós-graduação, aprender português e conhecer a cultura local. Estavam presentes intercambistas franceses, alemães, japoneses, coreanos e provenientes da América do Sul que vieram para estudar os mais variados cursos como Letras, Engenharias, Economia, História, entre outros. Na recepção, eles receberam um material elaborado pelo Núcleo Tandem do Centro de Línguas e Interculturalidade (Celin) da UFPR, contendo informações e orientações.

Foto: André Filgueira

Luiz Gardenal, coordenador de políticas linguísticas junto à Agência UFPR Internacional, destacou que esse primeiro momento é muito importante para que o aluno tenha um ponto de referência ao qual recorrer quando precisar de suporte. “A ideia é fazer um movimento longitudinal com outros pequenos encontros no decorrer do semestre, como piqueniques, bate-papos e reuniões culturais que possam aproximá-los e inseri-los na comunidade brasileira”.

Gardenal também comentou sobre a relevância disso para os alunos da UFPR. “É o que chamamos de internacionalização em casa. Há muitos alunos nossos que não têm a possibilidade de sair para realizar intercâmbio. Porém ao entrarem em contato com estudantes estrangeiros, aqueles que estudam outras línguas têm a oportunidade de aprender mais sobre o idioma e a cultura. Todos são beneficiados”, explica.

O diretor da Agência UFPR Internacional, André de Macedo Duarte, enfatizou que não há produção de conhecimento sem experiências de internacionalização. “O conhecimento sempre foi produzido no contato com a diferença. A experiência de estudar e viver no exterior é algo muito marcante, que transforma nossa maneira de ser e que vai nos marcar não só durante o momento, mas por toda a vida”.

Guias do Estudante UFPR traduzidos nos idiomas dos estudantes presentes. Foto: André Filgueira

O representante dos estudantes internacionais, Joe Kitamura, salientou a importância da participação no projeto Tandem – do Centro de Línguas e Interculturalidade (Celin) –, tanto com relação ao auxílio para aprender a língua portuguesa, como para a interação com brasileiros. Kitamura é japonês e está no Brasil há cinco meses estudando Economia. A francesa Lucila chegou ao país há quatro dias e está ansiosa para iniciar as disciplinas de Pedagogia. “Escolhi o Brasil devido a uma parceria bilateral que minha universidade na França tem com a UFPR. Pretendo vivenciar aqui muitas experiências diferentes”, conta.

A cerimônia de boas-vindas aos estudantes proporcionou, também, a orientação referente aos aspectos burocráticos de permanência no país e a entrega dos Guias do Estudante UFPR, traduzidos em todos os idiomas dos estudantes presentes. Em seguida, os participantes almoçaram no Restaurante Universitário.

Sugestões

Capitães da areia é a obra do mês de agosto do Clube do Livro
A segunda temporada do Clube do Livro, promovida pelo Sistema de Bibliotecas (SiBi) da Universidade...
Projeto de extensão Ciência para Todos está com inscrições abertas para alunos da UFPR
O projeto de extensão “Ciência para Todos” está com inscrições abertas para o processo seletivo e trainee....
Projeto da UFPR oferece treinamento gratuito de futebol para meninas
Com o objetivo de trabalhar o desenvolvimento integral de meninas entre 10 e 14 anos através da prática...
Inscrições para cursos extensivos do Celin para novos alunos iniciam em 7 de agosto
As inscrições para os cursos extensivos ofertados pelo Centro de Línguas e Interculturalidade (Celin)...