Banco de teses da UFPR é o mais acessado no Brasil

22 fevereiro, 2012
11:12
Por
0
Ciência e Tecnologia

A Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da UFPR é o banco de dados com melhor visibilidade no Brasil, segundo lista elaborada pela Cybermetrics Lab, grupo de pesquisas do Conselho Superior de Investigações Científicas da Espanha.

O laboratório faz análises quantitativas de conteúdos para internet relacionados à educação e conhecimento científico. Avalia também a facilidade e qualidade de acesso a publicações científicas em 20 mil instituições de ensino superior. A UFPR ficou em 110º lugar na lista que reúne centros de pesquisa do mundo todo e em 91º lugar na listagem de instituições de ensino superior, a frente de órgãos como a Universidade de Brasília (UnB) – que deteve a 213ª posição e a Universidade de São Paulo (USP), que este ano ocupa a 426ª colocação. A lista foi criada para incentivar as instituições a publicarem os resultados de suas pesquisas na rede mundial de computadores.

Trabalho – Para o pró-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação Sérgio Scheer, o resultado é fruto do trabalho e investimentos da instituição nos últimos anos e também um incentivo para melhorar o desempenho da universidade. Segundo a diretora do Sistema de Bibliotecas da UFPR (SIB) Lígia Setenareski, a preocupação com os padrões internacionais de tecnologia disponíveis torna mais fácil o acesso aos conteúdos do sistema, possibilitando maior visibilidade.

Sonia Loyola

Sugestões

14 agosto, 2023

Desenvolvido na UFPR por parceria internacional, magneto molecular Dy(pn)Cl pode ajudar a investigar o ambiente químico em torno […]

10 agosto, 2023

No último dia 03, aconteceu a posse da nova Direção do Setor Palotina, Gestão 2023 – 2027, com […]

09 agosto, 2023

O projeto de extensão “Pré-Vestibular Comunitário”, do setor Palotina da Universidade Federal do Paraná (UFPR), está com inscrições […]

07 agosto, 2023

A série “Cientistas do Brasil” é uma produção que mostra a ciência produzida por pesquisadores das Instituições Federais […]