logo_branca_ufpr

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ


UNIVERSIDADE
FEDERAL DO PARANÁ

14ª Feira de Cursos e Profissões, a maior da história, com recorde de público e aprovação ao seu novo espaço, em Piraquara

 

Zaki (centro): “Sempre que pensamos grande, há quem não acredite no projeto. Mas provamos que estávamos certos de mudar o local do evento, que foi um grande sucesso. A UFPR e todas as pessoas que participaram da feira fizeram história”. Imagem: Marcos Solivan.
Zaki (centro): “Sempre que pensamos grande, há quem não acredite no projeto. Mas provamos que estávamos certos de mudar o local do evento, que foi um grande sucesso. A UFPR e todas as pessoas que participaram da feira fizeram história”. Imagem: Marcos Solivan.
A edição deste ano da feira garantiu muito mais espaço e segurança ao visitantes na nova unidade da UFPR, em Piraquara. Imagem: Marcos Solivan.
A edição deste ano da feira garantiu muito mais espaço e segurança ao visitantes na nova unidade da UFPR, em Piraquara. Imagem: Marcos Solivan.

A UFPR coleciona mais uma importante conquista: a 14ª Feira de Cursos e Profissões terminou hoje, no novo complexo Piraquara, como a maior da história. Nos quatro dias da feira, mais de 85 mil visitantes de quatro estados e dezenas de municípios paranaenses passaram pelo local; no ano passado, foram 80 mil. Recorde também no número de inscritos das escolas, que passou de 12 mil em 2015 para cerca de 22 mil neste ano.

Nova unidade da Universidade Federal do Paraná, com 14 mil metros quadrados de área (oito mil a mais que o espaço anterior, no Setor de Educação Profissional e Tecnológica – SEPT), o complexo Piraquara também recebeu elogios tanto da comunidade universitária quanto dos visitantes. O local abrigou os 139 estandes com o dobro do espaço, em relação à edição do ano passado, e outro grande avanço: mais segurança. Um reforçado esquema de segurança e um amplo estacionamento garantiram a tranquilidade dos visitantes que vieram de ônibus ou em seus veículos particulares.

Legado de peso da gestão

O reitor da UFPR, Zaki Akel Sobrinho, disse que as conquistas obtidas na 14ª Feira de Cursos e Profissões são mais um legado da sua gestão. “Sempre que pensamos grande, há quem não acredite no projeto. Mas nós provamos que estávamos certos de mudar o local do evento, que foi um grande sucesso. A UFPR e todas as pessoas que participaram da feira fizeram história”, comentou.

Zaki disse que esta edição da feira fecha com “chave de ouro” os oito anos da sua gestão. “Mas não fiz este trabalho sozinho. Esta conquista foi resultado de um trabalho coletivo. Quem veio aqui viu todo mundo envolvido com força e engajamento. Por isso, temos que nos orgulhar da nossa UFPR e elogiar todos que ajudaram a organizar esta feira, em especial aos estudantes voluntários que fazem a diferença e falam sobre seus cursos”, comentou o reitor, que disse estar feliz com a oportunidade que a Universidade oferece de ajudar os estudantes do ensino médio a escolher suas carreiras.

A 14[ Feira de Cursos e profissões foi um recorde de público - 90 mil pessoas. Imagem: Marcos Solivan.
A 14a Feira de Cursos e profissões foi um recorde de público – 90 mil pessoas. Imagem: Marcos Solivan.
A melhor da história

O coordenador-geral da 14ª Feira de Cursos e Profissões, Ray Garbelotti, destacou o espaço e a maior estrutura de serviços do novo local. “O evento superou nossas expectativas. O interessante foi que a feira atraiu não apenas estudantes e professores, mas milhares de visitantes de várias cidades da Região Metropolitana, que saíram  satisfeitos daqui. Também fiquei feliz de saber que o Fórum de Coordenadores de Cursos de Graduação da UFPR disse que esta foi a melhor feira da história”.

A pró-reitora de Graduação da UFPR, Maria Amélia Sabagg Zainko, disse que a 14ª Feira de Cursos e Profissões atingiu plenamente seu objetivo de propiciar uma forte e produtiva interação entre a Universidade e a sociedade. “É extremamente importante mostrarmos o que somos e o que fazemos. A UFPR cumpriu seu papel”, disse Maria Amélia, que também destacou a atuação da Reitoria no processo. “O reitor Zaki Akel é um visionário por ter escolhido esta forma de interação com a sociedade. Quanto mais os alunos tiveram a chance de interagir com a UFPR, suas escolhas profissionais serão mais acertadas”, comentou.

O pró-reitor de Administração, Edelvino Razzolini Filho, também elogiou a feira. “A feira foi muito bem organizada e ofereceu o melhor aos estudantes e visitantes”, avaliou Razzolini, que destacou o papel da PRA na logística da feira. O coordenador do Núcleo de Concursos da UFPR, Mauro Belli, também enalteceu a importância do evento. “A feira cumpre um papel social importante: ajudar os estudantes a fazer suas escolhas profissionais”, disse. A feira teve o patrocínio do Governo Federal, Governo do Estado do Paraná, Caixa Econômica Federal e Copel.

 

Professores elogiam feira

Entre os professores da UFPR e de outras instituições, houve pelo menos uma unanimidade: a aprovação do novo espaço da Feira de Cursos e Profissões, em Piraquara, e a importância do evento. A professora Flávia Lúcia Bazan Bespalhok, do curso de Tecnologia em Comunicação Institucional da UFPR, destacou a importância da interação com os estudantes. “É uma oportunidade de os cursos se mostrarem à sociedade e mostrarem que, diferente do que muitas pessoas pensam, não estão isolados em uma ´torre de marfim´”, comentou.

O professor Marlus Geronasso, do Projeto Eureka, gostou da 14ª Feira de Cursos e Profissões. “Participamos da feira há cinco edições. Neste ano, em apenas um dia, cerca de dez mil pessoas passaram pelo nosso estande”, disse. O Projeto Eureka veicula um programa na UFPR TV destinado à preparação dos estudantes para o Exame Nacional do ensino Médio (Enem) e o vestibular. Geronasso já visitou 82 escolas da Grande Curitiba levando formação aos estudantes, apenas neste ano.

O número de visitas agendadas de escolas também superou as expectativas: 22 mil, um recorde. Imagem: Marcos Solivan.
O número de visitas agendadas de escolas também superou as expectativas: 22 mil, um recorde. Imagem: Marcos Solivan.

Alunos destacam interação

A estudante do 1º ano do ensino médio Rafaela Kulik, que quer fazer um curso na área de Ciências Exatas, gostou da feira. “Achei muito legal vir aqui e conversar com o pessoal”. Mariana Baccule Brandão, do 3º ano do ensino Médio, quer cursar Farmácia e também gostou da visita. “O pessoal me explicou bem como funciona o curso. Ajudou a reforçar a vontade que tenho de fazer Farmácia”, disse.

A estudante Amanda Srour, do curso de Engenharia da Produção e integrante da EngePro (empresa júnior da UFPR que, desde 2010, atua no ramo de consultoria desde 2010), também elogiou o evento. “ Foi importante vir aqui para o pessoal saber quem somos porque muita gente não sabia o que era uma empresa júnior e pensava que só existia o curso de Engenharia da Produção”, comentou.

Por Aurélio Munhoz

 

 

Sugestões

Informativo UFPR (Destaques da semana de 07/08 a 11/08/2023) 
DIVULGAÇÃO CIENTÍFICA    🧠🔭 Projeto de extensão Ciência para Todos está com inscrições abertas para...
Setor Palotina: Posse da nova direção
No último dia 03, aconteceu a posse da nova Direção do Setor Palotina, Gestão 2023 – 2027, com...
Doutoranda que criou programas para incentivar a adoção de cães é homenageada na Câmara de Curitiba 
Na manhã desta terça-feira (8), Lu Baldan, médica veterinária e doutoranda em Ciências Veterinárias na...
UFPR lamenta falecimento do professor aposentado Mauro Lacerda Santos
A Universidade Federal do Paraná comunica, com pesar, o falecimento do professor aposentado Mauro Lacerda...