logo_branca_ufpr

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ


UNIVERSIDADE
FEDERAL DO PARANÁ

Professora Elisa Orth, do Departamento de Química, recebe prêmio International Rising Talents, em Paris

Elisa Orth participa de atividades em Paris. Imagem: Divulgação L'Oréal
Elisa Orth participa de atividades em Paris. Imagem: Divulgação L’Oréal

Na última quinta-feira, dia 24, a L’Oréal Foundation premiou as vencedoras do Internacional Rising Talents, em Paris, na França, e o Brasil foi representado pela pesquisadora Elisa Orth, pesquisadora do Departamento de Química da UFPR e coordenadora do Grupo de Catálise e Cinética (GCC) da Universidade. Ao todo, 15 jovens profissionais do mundo todo são escolhidas, três de cada região do mundo: África e Estados Árabes, Ásia e Pacífico, Europa, América Latina e América do Norte. O objetivo do prêmio é impulsionar a carreira de jovens e promissoras cientistas até se tornarem pesquisadoras internacionalmente reconhecidas.

Ao longo da semana, as cientistas desenvolveram diversas atividades na Academia de Ciência da França, como workshops de comunicação na ciência para melhorar a divulgação seus resultados e, assim, serem ainda mais reconhecidas.

https://www.youtube.com/watch?v=CNbWSLKWZPk

Selecionada entre mais de 400 projetos inscritos nesta edição, com seu estudo Elisa busca desenvolver novos catalisadores que acelerem eficientemente diversas classes de reações químicas. Uma potencialidade é obter enzimas artificiais que poderiam ser usadas para resolver problemas genéticos — relacionados a doenças como câncer, fibrose, mal de Parkinson, mal de Alzheimer, entre outras. Outro interesse de aplicação é destruir substâncias químicas nocivas à saúde humana, presentes em muitos agrotóxicos ainda utilizados no Brasil. O objetivo, no futuro, é obter novos materiais multifuncionais que possam atuar como enzimas artificiais e ajudar no tratamento de doenças genéticas e ainda eliminar/monitorar substâncias nocivas, tornando os alimentos mais saudáveis e seguros, sem comprometer sua qualidade.

Para Mulheres na Ciência

A pesquisadora da UFPR foi selecionada dentre as vencedoras da 10ª edição do Prêmio Para Mulheres na Ciência, único programa brasileiro voltado às mulheres cientistas, realizado em parceria com a UNESCO no Brasil e com a Academia Brasileira de Ciências (ABC). O prêmio reconhece a qualidade do currículo e o potencial de suas pesquisas, e as homenageadas recebem uma bolsa-auxílio de US$ 20 mil para dar prosseguimento às suas pesquisas.

Com apenas 31 anos, Elisa Orth é bacharel, mestre e doutora em Química pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), e realizou seu pós-doutorado, na mesma área, na UFPR. Em 2012, recebeu o Grande Prêmio CAPES de Tese Milton Santos na área de Ciências Exatas e da Terra e Multidisciplinar Materiais e Biotecnologia. Além de sua atuação na coordenação do GCC, também colabora com os grupos de Química de Materiais; e de Pesquisa em Macromoléculas e Interfaces; além dos laboratórios de Síntese Química e Enzimática e Ressonância Magnética Nuclear. Por fim, ao lado dos professores Orliney Guimarães e Camila Silveira da Silva, colabora na área de ensino da Química.

Confira a entrevista que fizemos com a professora Elisa Orth e conheça mais sobre o trabalho que ela vem desenvolvendo na UFPR clicando aqui.

 

Sugestões

Progepe lança atividade de saúde e longevidade para aposentados
Aposentadoria nunca foi sinônimo de inatividade. Pensando na qualidade de vida dos servidores aposentados,...
Ciência UFPR: Molécula-ímã tem potencial para revelar a bioquímica por trás de doenças
Desenvolvido na UFPR por parceria internacional, magneto molecular Dy(pn)Cl pode ajudar a investigar...
“A SBPC é a marca de que o Brasil acredita e produz ciência da mais alta qualidade”, diz ministra do MCTI
Entre 23 e 29 de julho, aconteceu na Universidade Federal do Paraná (UFPR) a 75ª Reunião Anual da Sociedade...
Série sobre a ciência produzida nas Universidades brasileiras estreia na TV Brasil
A série “Cientistas do Brasil” é uma produção que mostra a ciência produzida por pesquisadores das Instituições...