logo_branca_ufpr

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ


UNIVERSIDADE
FEDERAL DO PARANÁ

Professor do curso de História, Memória e Imagem vence concurso nacional de pesquisa

Professor Magnus Pereira. Foto: Marcos Solivan

O Prêmio Odebrecht, um dos mais importantes da área de História no Brasil acaba de selecionar o projeto de um professor da UFPR. O pesquisador do curso de História, Memória e Imagem, Magnus Roberto de Melo Pereira e a historiadora, Ana Lúcia Rocha Barbalho da Cruz, foram os vencedores da 10ª edição do Prêmio com a proposta de pesquisa “O Conhecimento Científico do Mundo Português do Século XVIII”, estudo que será desenvolvido nos próximos dois anos no Brasil, Portugal, Angola, Moçambique e Cabo Verde. Os resultados serão depois publicados em livro a ser editado pela Fundação Odebrecht.

De acordo com o professor da UFPR a ideia é estudar como a elite intelectual luso-brasileira foi responsável pelo desenvolvimento científico na segunda metade do século XVIII. A pesquisa se deterá nas áreas de astronomia e da cartografia buscando saber como isso reverberou também nas colônias portuguesas da África e da Ásia que começa a ser desenvolvida em 2014.

Segundo a Odebtrecht a premiação incentiva pesquisadores a mergulharem nos temas relacionados à história do Brasil, desde 2003 e neste ano recebeu 215 projetos de 20 estados. A cada ano, um projeto é escolhido e o autor contemplado com o apoio necessário para a realização da pesquisa e publicação de um livro de arte.

Para o professor Magnus, o prêmio, além de contribuir com a pesquisa histórica, contribui para o desenvolvimento e divulgação do curso de História, Memória e Imagem da UFPR, que se difere do curso tradicional de história. Ana Lúcia, a outra pesquisadora vencedora do Prêmio Odebrecht é bolsista do CNPq.

Sugestões

Progepe lança atividade de saúde e longevidade para aposentados
Aposentadoria nunca foi sinônimo de inatividade. Pensando na qualidade de vida dos servidores aposentados,...
Ciência UFPR: Molécula-ímã tem potencial para revelar a bioquímica por trás de doenças
Desenvolvido na UFPR por parceria internacional, magneto molecular Dy(pn)Cl pode ajudar a investigar...
“A SBPC é a marca de que o Brasil acredita e produz ciência da mais alta qualidade”, diz ministra do MCTI
Entre 23 e 29 de julho, aconteceu na Universidade Federal do Paraná (UFPR) a 75ª Reunião Anual da Sociedade...
Série sobre a ciência produzida nas Universidades brasileiras estreia na TV Brasil
A série “Cientistas do Brasil” é uma produção que mostra a ciência produzida por pesquisadores das Instituições...