logo_branca_ufpr

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ


UNIVERSIDADE
FEDERAL DO PARANÁ

Professor da UFPR participará de mesa sobre tradução na FLIP

Guilherma Gontijo – foto: Leonardo Bettinelli

O tradutor e professor da Universidade Federal do Paraná (UFPR) Guilherme Gontijo vai participar como debatedor da Mesa ‘Odi et amo’ na 15º Festa Literária Internacional de Paraty, no Rio de Janeiro, que ocorre de 26 a 30 de julho.

Gontijo dividirá a mesa com o tradutor e professor português Frederico Lourenço, para falar sobre tradição greco-latina, seus mitos, poesia e narrativas. Também serão tratados temas como literatura e cultura medieval e a Bíblia grega. A conversa entre os dois especialistas em tradução do latim e do grego traçará uma breve história das ideias e dos sentimentos do ocidente.

Gontijo é professor de Língua e Literatura Latina na UFPR e em 2014 ganhou o primeiro lugar do prêmio Jabuti pela tradução da obra ‘A Anatomia da Melancolia’, escrita no século XVII por Robert Burton. A tradução foi publicada pela Editora UFPR.

Lançamentos

Recentemente o professor concluiu dois novos trabalhos. O primeiro foi a coedição de uma antologia bilíngue de poesias em latim com o título “Por que calar nossos amores? Poesia homoerótica latina”, lançada pela editora Autêntica. A obra traz textos escritos entre o século II a.C. e IV d.C. e é coeditada por Raimundo Carvalho, João Angelo Oliva Neto e Márcio Gouvêa.

Outro trabalho, com lançamento programado para junho, é o livro “Fragmentos completos de Safo”, que traz toda a poesia da mais famosa poeta lírica grega, em uma edição bilíngue grego-português, da Editora 34. Safo viveu por volta do ano 630 antes da era cristã, tendo nascido na ilha de Lesbos, e teve um papel destacado como artista e educadora.

Livro “A Anatomia da Melancolia”, de Robert Burton, tradução de Guilherme Gontijo – foto Leonardo Bettinelli

Pecora Loca

Além destes trabalhos, Gontijo participa do grupo Pecora Loca, em parceria com os professores Rodrigo Gonçalves e Bernardo Brandão e em conjunto com estudantes de graduação e pós-graduação de Letras, que envolve performances musicais de poesia antiga, medieval e moderna em tradução.

Além de tradutor, Gontijo é poeta e crítico literário. Seu livro de poemas ‘brasa enganosa’ (São Paulo: Editora Patuá) foi bem recebido pelo público e pela crítica.

Formação

Em sua formação, Gontijo passou pela Universidade Federal do Espirito (UFES) onde completou a graduação, e pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG),  onde obteve o título de mestre e fez a tradução integral das “Elegias” de Sexto Propércio, texto do primeiro século antes da era cristã. Sua tese de doutorado na Universidade de São Paulo (USP) tratou das “Odes” de Horácio.

Por Rodrigo Choinski

Sugestões

Capitães da areia é a obra do mês de agosto do Clube do Livro
A segunda temporada do Clube do Livro, promovida pelo Sistema de Bibliotecas (SiBi) da Universidade...
Projeto de extensão Ciência para Todos está com inscrições abertas para alunos da UFPR
O projeto de extensão “Ciência para Todos” está com inscrições abertas para o processo seletivo e trainee....
Projeto da UFPR oferece treinamento gratuito de futebol para meninas
Com o objetivo de trabalhar o desenvolvimento integral de meninas entre 10 e 14 anos através da prática...
Inscrições para cursos extensivos do Celin para novos alunos iniciam em 7 de agosto
As inscrições para os cursos extensivos ofertados pelo Centro de Línguas e Interculturalidade (Celin)...