logo_branca_ufpr

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ


UNIVERSIDADE
FEDERAL DO PARANÁ

Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros da UFPR promove evento cultural com poeta Nelson Maca – 7/10

Nesta sexta-feira (7), o Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros da UFPR promove o “Sarau Na Rota da Rima: Poesia Preta Paraná – Bahia” nas escadarias do prédio histórico da UFPR, na Praça Santos Andrade. A noite cultural pretende reunir poetas, declamadores e estudiosos da cena literária da cidade, além de artistas, ativistas, parceiros do movimento social negro e pessoas antirracistas de forma geral.

O sarau, que terá início às 18 horas, é realizado em parceria do Centro Cultural Humaitá, com a participação do artista Nelson Maca. Saiba mais sobre a programação aqui.

Sobre o artista

Escritor, performer e militante paranaense radicado em Salvador, Nelson Maca prepara sua primeira caminhada como autor publicado e performer em Curitiba. Nascido em Telêmaco Borba, morador de Curitiba dos 14 aos 22 anos, reside em Salvador desde 1989. Esta é a primeira vez que cumpre compromissos literários na cidade, onde iniciou-se tanto na escrita criativa quanto nos estudos acadêmicos, pois cursou o primeiro ano do Curso de Letras na UFPR.

Nelson Maca nasceu no Paraná e reside em Salvador desde 1989. Ensinou Literatura Brasileira na UCSal de 1995 a 2019. Fundou o Coletivo Blackitude: Vozes Negras da Bahia em 1999. Realiza o Sarau Bem Black e ações artísticas e de formação sócio-racial através das linguagens da cultura hip hop e afins. Foi o criador do Sarau Bem Legal (infantil) e do Slam Lonan. Lançou Gramática da Ira, Go Afrika, Guerra Preta ou Bahia Baixa Estação e Ani: todos os Felas do mundo. Apresenta as performances Na Rota da Rima, Tamborismo, Funkesia e CandomBlackesia: Axé e Poesia na Batida.

Promove e participa de eventos de negritude na Bahia e no Brasil, tendo estabelecido parcerias com a Fundação Palmares, Universidade Federal Fluminense, Só Balanço Produções, Griô Produções, Balada Literária, Cooperifa, APAFunk, Coletivo Casa Preta, Poesia Maloqueirista e Sarau Sopapo Poético, entre outros. Realizou três edições do Encontro Nacional de Literatura Divergente. Organiza a Balada Literária da Bahia e é curador convidado da Balada Literária de São Paulo.

Participou das coletâneas literárias Suburbano Convicto I, Poesia Favela, Pode Pá Que É Nóis Que Tá, Sarau do Binho e outras. Organizou os livros Tarja Preta, de Zinho Trindade, e A Rima Denuncia, do rapper GOG. Organizou a revista Organismo n.7. Na ponte entre poesia-música, tem parcerias G.O.G, Ba Kimbuta, Mano Teko e Jorjão Bafafé. Fez performances com GOG, Sistema Kalakuta, Ba Kimbuta, Jorge Ceruto (Cuba-SP), Ellen Oléria, Dj Sankofa (Gana-BA), MC Mano Teko, Mc Pingo do Rap, Vera Lopes, Wiza (Angola), Vox Sambou (Haiti), Diegal (Haiti), Mariella Santiago, Skanibais, I.F.A Afrobeat e André Sampaio, Jazz100Strezz. Gravou ou teve poemas gravados por In.vés, Alexandra Pessoa, Reynam Poeta, GOG, André Sampaio. Mc Mano Teko, Ba Kimbuta e Helton Moura & Vertin Moura. Participa de projetos, eventos e festivais pelo Brasil, a exemplo do Arte da Palavra / Sesc, Balada Literária; Festa do Louro do Pajeú, e Poetas d’Alma: Festival de Poesia e artes Performáticas de Moçambique.

Sugestões

Post Evento janeiro
Post de Evento
Vai ser publicado um Edital sobre ……
Sextas na pós debate mundo digital, fake news e práticas curriculares
O projeto “Sextas na pós: conversas com professores(as)”, promovido pelos Programas de Pós-Graduação...
Jornada marca dez anos de políticas públicas de educação ambiental no Paraná
O Centro de Educação Ambiental e Preservação do Patrimônio (CEAPP), parceria entre a Universidade Federal...