logo_branca_ufpr

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ


UNIVERSIDADE
FEDERAL DO PARANÁ

Museu de Arqueologia e Etnologia da UFPR inaugura exposição “Kãchi Katukina” em Paranaguá

Exposição mostra tradição Katukina semelhante às brincadeiras com cordão chamadas de “cama-de-gato”

A curadoria da exposição foi realizada com a participação dos próprios índios Katukina, do Acre. Na foto, Wisi (à esq.) e Mame (á dir.) mostram um kãchi pronto. Crédito: Douglas Fróis/Acervo MAE-UFPR
A curadoria da exposição foi realizada com a participação dos próprios índios Katukina, do Acre. Na foto, Wisi (à esq.) e Mame (á dir.) mostram um kãchi pronto. Crédito: Douglas Fróis/Acervo MAE-UFPR

O Museu de Arqueologia e Etnologia da UFPR (MAE-UFPR) inaugura em Paranaguá às 18h do dia 24 de abril de 2015 (sexta-feira), a exposição “Kãchi Katukina”. Trata-se da mostra de uma tradição realizada pelos índios Katukina, localizados no Acre. Na exposição, o MAE traz ao público um jogo feito com barbante, em que os fios trançados assumem diversas formas e a cada uma delas correspondem significados únicos.

De acordo com a curadora da exposição, a professora Drª Edilene Coffaci de Lima (do Departamento de Antropologia da Universidade Federal do Paraná), “O ‘Kãchi’ é como os Katukina nomeiam o jogo de barbante – mais conhecido, em português, como ‘cama-de-gato’ – que resulta em formas diversas, boa parte delas com motivos que fazem referência às anatomias animal e vegetal.”

A exposição, que deverá permanecer no Museu até 3 de abril de 2016, é fruto da pesquisa e convivência da curadora da exposição com os Katukina, de suas habilidades para conhecê-los e adentrar a particularidade de suas vidas. A partir dessa pesquisa, os profissionais do MAE-UFPR de Antropologia, Museologia, Fotografia, Produção Cultural, e os alunos de Design, Artes Visuais e História mantiveram um diálogo especial com os Katukinas Wisi (Fábio Silva) e Mame (Nivaldo Rodrigues) para compreender os sentidos dos Kãchi entre os Katukina, e, a partir disto, organizar as obras e os painéis que integram a exposição, em uma curadoria compartilhada.

Ônibus para Paranaguá

A UFPR disponibilizará gratuitamente um ônibus para todos os interessados em participar deste evento em Paranaguá. O ônibus sai no dia 24, às 15h do Campus Juvevê da UFPR e às 15h30 em frente à Reitoria da UFPR, na rua General Carneiro, em Curitiba-PR. A saída de Paranaguá, para retorno, está agendada para às 21h30 e tem previsão de chegada em Curitiba às 23h. As vagas são limitadas, e o interessado deve encaminhar seu Nome Completo, RG e CPF para maert.ufpr@gmail.com até às 17h do dia 23/04 para garantir sua vaga no ônibus.

06314_banner1_1

O MAE-UFPR é ligado à Pró-Reitoria de Extensão e Cultura da Universidade Federal do Paraná e sua Sede Expositiva em Paranaguá fica aberta de terça a domingo (inclusive feriados) das 8h às 20h.

Sugestões

Capitães da areia é a obra do mês de agosto do Clube do Livro
A segunda temporada do Clube do Livro, promovida pelo Sistema de Bibliotecas (SiBi) da Universidade...
Projeto de extensão Ciência para Todos está com inscrições abertas para alunos da UFPR
O projeto de extensão “Ciência para Todos” está com inscrições abertas para o processo seletivo e trainee....
Projeto da UFPR oferece treinamento gratuito de futebol para meninas
Com o objetivo de trabalhar o desenvolvimento integral de meninas entre 10 e 14 anos através da prática...
Inscrições para cursos extensivos do Celin para novos alunos iniciam em 7 de agosto
As inscrições para os cursos extensivos ofertados pelo Centro de Línguas e Interculturalidade (Celin)...