logo_branca_ufpr

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ


UNIVERSIDADE
FEDERAL DO PARANÁ

Estudantes de Gestão da Informação propõem ferramenta para divulgar a história de Curitiba

São 30 equipes formadas por três a cinco integrantes que se inscreveram para participar do Hackathon Curitiba 2015. 28/11/2015. Foto: Levy Ferreira SMCS
Os participantes tiveram de passar 36 horas seguidas criando aplicativos tecnológicos que possam ser úteis para o ambiente urbano de Curitiba e seus moradores. FOTO: Levy Ferreira SMCS

Quatro alunos do curso de Gestão da Informação da UFPR participaram da segunda edição do Hackathon Curitiba e propuseram que a tecnologia proporcione maior contato das pessoas com a história da cidade. Hackathon é um tipo de evento em que programadores e outros envolvidos no desenvolvimento de software e hardware, incluindo equipes multidisciplinares, colaboram intensivamente em projetos de software. Na capital, é a segunda vez que ocorre e é uma promoção da Prefeitura.

A ideia dos estudantes foi utilizar de plataforma wiki para um compartilhamento da história de Curitiba, adotando também conceitos e ferramentas de georreferenciamento e QRCode. Na proposta, as pessoas poderão navegar num mapa da cidade e conferir histórias, fotos e outras curiosidades postadas por outros acerca de locais, monumentos, nomes de ruas etc. O objetivo é aguçar a curiosidade e permitir que possam acessar e compartilhar informações a partir de códigos disponibilizados fisicamente nos lugares. Basta utilizar tecnologias disponíveis como app dos celulares para acessar os conteúdos.

O projeto foi desenvolvido pela equipe durante 40 horas ininterruptas de trabalho. Eles se revezaram para discutir ideias e criar protótipos de softwares que atendessem aos temas propostos pelas diversas secretarias e órgãos da Prefeitura. Esse tipo de proposta tem sido comum na área de Computação.

A equipe do curso de Gestão da Informação foi formada pelos estudantes Allan Matheus Chueri Sklarow, Maike Cristian Rebelo de Lima, Rafael de Lima Franco e Willian Cezar Deda. Todos são bolsistas de Iniciação Científica e Tecnológica e atuam em projeto do Departamento de Ciência e Gestão da Informação que envolve discussões e aprimoramento de softwares livres para Informação e Comunicação, coordenado pelo professor Rodrigo Botelho-Francisco, no âmbito do Laboratório de Mídias Digitais e do Grupo de Pesquisa Aplicada em Ciência, Informação e Tecnologia (GP-CIT). Mais informações sobre as iniciativas do grupo podem ser conferidas em www.gp-cit.ufpr.br.

O Hackathon Curitiba foi realizado de 27 a 29 de novembro e faz parte da Política de Dados Abertos do município – que, em 2014, publicou decreto estabelecendo parâmetros para que informações de órgãos públicos municipais sejam colocados à disposição da sociedade de maneira cada vez mais acessível.

Sugestões

Progepe lança atividade de saúde e longevidade para aposentados
Aposentadoria nunca foi sinônimo de inatividade. Pensando na qualidade de vida dos servidores aposentados,...
Ciência UFPR: Molécula-ímã tem potencial para revelar a bioquímica por trás de doenças
Desenvolvido na UFPR por parceria internacional, magneto molecular Dy(pn)Cl pode ajudar a investigar...
“A SBPC é a marca de que o Brasil acredita e produz ciência da mais alta qualidade”, diz ministra do MCTI
Entre 23 e 29 de julho, aconteceu na Universidade Federal do Paraná (UFPR) a 75ª Reunião Anual da Sociedade...
Série sobre a ciência produzida nas Universidades brasileiras estreia na TV Brasil
A série “Cientistas do Brasil” é uma produção que mostra a ciência produzida por pesquisadores das Instituições...