logo_branca_ufpr

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ


UNIVERSIDADE
FEDERAL DO PARANÁ

Engenharia Florestal da UFPR, primeira do Brasil, completa 55 anos

Florestal 1
FOTO: Airumã Estação Ambiental

O curso de Engenharia Florestal da UFPR, o primeiro do Brasil, completa 55 anos em 2015. Como parte das homenagens, a Câmara Municipal de Curitiba realiza solenidade alusiva ao aniversário nesta sexta-feira (26), às 16h, no auditório do Anexo II da Câmara.

Criado em 1960 como Escola Nacional de Florestas, primeira do ramo no país, o curso inicou-se em Viçosa (MG), passando para Curitiba em 1963. O período inicial de funcionamento, de 1961 a 1969, foi caracterizado pela existência do Convênio de Assistência das Nações Unidas, através da FAO, conhecido como “Projeto 52”. De 1971 a 1982, vigorou o Convênio de Cooperação Técnica entre a UFPR e a Universidade Albert – Ludwig, de Freiburg, Alemanha. Foi durante este período que houve um efetivo desenvolvimento da Faculdade de Florestas de Curitiba – em ensino, pesquisas e extensão florestal – incluindo a criação, em 1973, do primeiro curso de mestrado em Engenharia Florestal do Brasil. Em 1982, o pioneirismo se mantém com a implantação do primeiro doutorado brasileiro em Engenharia Florestal e, em 1997, do programa de pós-doutorado.

O curso de Engenharia Florestal, instalado no Setor de Ciências Agrárias da UFPR, desenvolve ensino e pesquisas voltados a silvicultura, manejo florestal, abastecimento e logística florestal, tecnologia e industrialização de produtos florestais, gerenciamento florestal e conservação da natureza. Estas atividades têm foco na elaboração de conceitos e técnicas florestais para preservação dos ecossistemas brasileiros, bem como desenvolvimento de tecnologias para uso sustentado das florestas naturais e implantação de florestas para fins industriais de consumo interno e exportação.

Embora a Engenharia Florestal da UFPR esteja sediada no perímetro urbano da capital, sua localização é a melhor entre as demais escolas florestais do país. Num raio de 85 quilômetros, estudantes e pesquisadores podem encontrar cinco biomas diferentes e centenas de indústrias florestais, desde serrarias, movelarias, indústrias de polpa e papel, até as de última geração tecnológica, como as fábricas de MDF.

Anualmente, a graduação oferece 80 vagas para ingresso, sendo que mais de 2,2 mil profissionais já se formaram bacharéis pelo curso. A carga letiva de 4 mil horas é ministrada por um corpo docente de 63 professores, dos quais 56 são doutores.

Serviço
Solenidade alusiva às comemorações dos 55 anos do curso de Engenharia Florestal da UFPR
Data: 26 de junho (sexta-feira)
Horário: 16h
Local: Auditório do Anexo II da Câmara Municipal de Curitiba

Sugestões

Informativo UFPR (Destaques da semana de 07/08 a 11/08/2023) 
DIVULGAÇÃO CIENTÍFICA    🧠🔭 Projeto de extensão Ciência para Todos está com inscrições abertas para...
Setor Palotina: Posse da nova direção
No último dia 03, aconteceu a posse da nova Direção do Setor Palotina, Gestão 2023 – 2027, com...
Doutoranda que criou programas para incentivar a adoção de cães é homenageada na Câmara de Curitiba 
Na manhã desta terça-feira (8), Lu Baldan, médica veterinária e doutoranda em Ciências Veterinárias na...
UFPR lamenta falecimento do professor aposentado Mauro Lacerda Santos
A Universidade Federal do Paraná comunica, com pesar, o falecimento do professor aposentado Mauro Lacerda...