logo_branca_ufpr

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ


UNIVERSIDADE
FEDERAL DO PARANÁ

Confira os últimos lançamentos da Editora UFPR

Três novos títulos acabam de entrar para o catálogo da Editora UFPR. Tratando de temáticas Lingüística, História e Filosofia, as obras podem ser adquiridas no site da editora (www.editora.ufpr.br) ou nas livrarias localizadas no campi Reitoria e no Centro Politécnico.

“Elias Alexandre da Silva Correia: Um militar brasileiro em Angola”
Autores: Magnus Roberto de Mello Pereira e Ana Lúcia Rocha Barbalho da Cruz

Elias Alexandre e Silva, mais tarde Elias Alexandre da Silva Correia, foi um militar luso-brasileiro da segunda metade do século XIX, cuja trajetória de vida se fez no espaço do Atlântico português. Nasceu em alguma parte do Brasil, passou a infância e a primeira juventude em Santa Catarina, permaneceu alguns anos em Portugal, serviu por seis anos em Angola e, por fim, se estabeleceu em São Gonçalo, nos arredores do Rio de Janeiro. Na sua longa carreira militar, foi um dos vitoriosos na campanha de retomada da vila do Rio Grande, que estava em mãos castelhanas, e foi um dos derrotados na invasão espanhola da Ilha de Santa Catarina, em 1777. Também integrou as forças portuguesas na malfadada primeira tentativa de invasão de Cabinda, na África. Mas antes de tudo, ou no meio disto tudo, ele foi um homem de letras, com incursões pelo mundo da Literatura e também pelo da História, que pretendeu escrever segundo o princípio da verdade, como se observa na epígrafe. Menos verdadeiro é o que aqui será dito sobre ele, que não se propõe a ultrapassar algumas poucas especulações feitas a partir do manancial da documentação que o militar letrado e seu principal mentor deixaram pelos arquivos de Portugal e suas ex-colônias.

“Tópicos de Filosofia Francesa Contemporânea”
Autor: Leandro Neves Cardim (Org.)

Em busca de um diagnóstico preciso da fronteira imediatamente atual desse pensamento francês, o livro evoca Bergson, Sartre, Merleau-Ponty, Ricoeur, Deleuze e Foucault. Além disso, aborda os temas a eles associados, a intuição e a duração, o vivido, a finitude, o sentido, a revisão das principais categorias políticas e históricas implícitas no pensamento dialético como compreendido pelos franceses, a fenomenologia em chave francesa, a unilateralidade do anti-humanismo. Portanto, para os leitores, o livro terá pelo menos duas utilidades, dependentes da natureza do leitor mesmo. Para o leitor iniciante, que quer compreender ou avaliar algo da discussão filosófica feita em língua francesa no século XX e sua sucessão no século XXI, segue-se uma série de capítulos esclarecedores e indicadores de algumas das principais linhas de força daquele pensamento. Para o leitor experimentado, ficará mais claro o diagnóstico tácito cujo encontro recíproco dos capítulos autônomos deste livro acabou desenhando.

 

Ensaios sobre a formação do romance brasileiro: Uma antologia”
Autor: Fernando C. Gil

Paciente pesquisador, Gil recolheu um conjunto excepcionalmente importante de depoimentos e análises sobre a vida do romance brasileiro no século XIX. São prefácios, comentários, apresentações, análises levadas a efeito por romancistas ou críticos, todos eles interessados em entender o lugar, as tarefas e as possibilidades do romance no Brasil.

Por Franciane Martins

Sugestões

Capitães da areia é a obra do mês de agosto do Clube do Livro
A segunda temporada do Clube do Livro, promovida pelo Sistema de Bibliotecas (SiBi) da Universidade...
Projeto de extensão Ciência para Todos está com inscrições abertas para alunos da UFPR
O projeto de extensão “Ciência para Todos” está com inscrições abertas para o processo seletivo e trainee....
Projeto da UFPR oferece treinamento gratuito de futebol para meninas
Com o objetivo de trabalhar o desenvolvimento integral de meninas entre 10 e 14 anos através da prática...
Inscrições para cursos extensivos do Celin para novos alunos iniciam em 7 de agosto
As inscrições para os cursos extensivos ofertados pelo Centro de Línguas e Interculturalidade (Celin)...