ufpr_bcopng

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ


UNIVERSIDADE
FEDERAL DO PARANÁ

Atividade aborda processos de erosão em bacias de rios do litoral do Paraná

Encontro aborda processos de erosão no litoral do Paraná. Imagem: divulgação

Na última terça-feira, dia 10 de maio de 2022, o LAGEAMB (Laboratório de Estudos Ambientais e Geoprocessamento) e o LABS (Laboratório de Biogeografia e Solos) realizaram uma atividade de campo no município de Antonina, no litoral paranaense.

 

Chamado de Jornada Pedológica, o evento contou com a presença de integrantes dos Portos do Paraná, ECOTEC Soluções Ambientais, Comunidade Agroflorestal José Lutzenberger, estudantes da UFPR e moradores locais. O evento teve como objetivo a visitação e explicações in loco sobre as características dos solos, a partir da análise de trincheiras localizadas na Reserva Natural Guaricica, Chácara São Francisco e Comunidade Agroflorestal José Lutzenberger. Essa atividade está dentro do contexto do projeto ‘Avaliação da perda de solos e produção de sedimentos por erosão hídrica em parcelas experimentais’.

O projeto tem como objetivo avaliar os processos erosivos em parcelas experimentais implantadas em encostas das bacias hidrográficas dos rios Cachoeira, Pequeno, Cacatu e Faisqueira. Para isso serão instaladas oito parcelas experimentais para monitoramento da produção de sedimentos em diferentes usos do solo – agricultura convencional, agrofloresta, floresta nativa e solo exposto.

Entre os resultados aguardados do projeto, espera-se estimar as perdas de solo e produção de sedimentos por erosão hídrica em diferentes condições de uso solo na área de estudo e avaliar da efetividade da implantação de sistemas agroflorestais em áreas degradadas para a contenção de processos erosivos. Com parceria formalizada em fevereiro de 2022, o projeto está sendo desenvolvido com financiamento dos Portos Paraná.

com informações do Laboratório de Geoprocessamento e Estudos Ambientais

Sugestões

Progepe lança atividade de saúde e longevidade para aposentados
Aposentadoria nunca foi sinônimo de inatividade. Pensando na qualidade de vida dos servidores aposentados,...
Ciência UFPR: Molécula-ímã tem potencial para revelar a bioquímica por trás de doenças
Desenvolvido na UFPR por parceria internacional, magneto molecular Dy(pn)Cl pode ajudar a investigar...
“A SBPC é a marca de que o Brasil acredita e produz ciência da mais alta qualidade”, diz ministra do MCTI
Entre 23 e 29 de julho, aconteceu na Universidade Federal do Paraná (UFPR) a 75ª Reunião Anual da Sociedade...
Série sobre a ciência produzida nas Universidades brasileiras estreia na TV Brasil
A série “Cientistas do Brasil” é uma produção que mostra a ciência produzida por pesquisadores das Instituições...